Sismo sentido no Norte do país

Um sismo com magnitude 3,6 na escala de Richter foi sentido esta terça-feira na Maia, segundo informação disponibilizada pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Os sismos com esta magnitude, e segundo informações recolhidas junto do IPMA, "acontece com frequência e raramente provoca danos", embora se possa sentir a mais de 100 quilómetros de distância.

Além do abalo, ouviu-se também um som forte.

Alunos da Escola Secundária de Felgueiras sentiram as suas mesas de trabalho tremer. O abalo foi sentido com intensidade máxima IV, na escala de Mercalli modificada, na região de Amarante.

Ao que o V apurou, o sismo foi sentido em várias freguesias, com maior incidência para a zona sul do concelho, como Soutelo, Prado ou Cabanelas, embora não haja danos a registar, segundo avançou fonte dos Bombeiros de Vila Verde. A descrição que nos foi feita do sismo é muito similar pelo concelho todo. A maior parte dos sismos criam-se em limites de placas convergentes, quando as rochas que formam a superfície da Terra libertam a energia que vão acumulando porque atingiram o seu limite de elasticidade.


Popular

CONNECT