Polícia prende chefe do tráfico no Caju e apreende dez fuzis

Quase mil militares estão na região desde sexta-feira para a retomada do controle da comunidade.

Questionado se a comunidade estaria pacificada, Roberto Sá disse que a situação na Rocinha está estabilizada e reiterou a necessidade de impedir que criminosos tenham acesso às armas de alto poder letal.

O secretário falou também sobre boatos acerca da fuga e de um possível ferimento do traficante Rogério 157, que disputa o controle do tráfico de drogas na Rocinha com Antônio Bonfim Lopes, o Nem - preso na penitenciária federal de Porto Velho (RO).

Acompanhando Sá na coletiva, o general Mauro Sinott, responsável pelo comando da segurança no local, endossou as palavras do secretario e afirmou que a polícia e o exército estão contando com o auxílio da comunidade para manter a paz no local. "Estamos tendo um bom rendimento das operações", acrescentou o general. Sá também afirmou que criminosos que desejarem se render terão seus direitos constitucionais preservados.

Em relação à prisão do traficante Luís Alberto Santos de Moura, conhecido como Bob do Caju, na Ilha do Governador, e à apreensão de dez fuzis no Caju, em ações coordenadas, o delegado Maurício Mendonça, chefe da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) da Polícia Civil, afirmou que as ações foram precisas e que não houve confrontos em nenhuma delas. Os fuzis tinham o adesivo de um desenho animado que caracteriza o grupo criminoso do traficante, o "Mundo de Bob".


A primeira ação dos militares nesta madrugada ocorreu por volta das 4h30.

Com eles, havia um fuzil AK-47 com numeração raspada, quatro carregadores, uma pistola Glock 9mm com dois carregadores, munição, dois radiotransmissores, documentos, cadernos de anotações e pequena quantidade de drogas e dinheiro em espécie.

Em outro caso, houve intenso tiroteio.

A PMERJ também informou que os policiais do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) receberam a informação via rádio sobre a perseguição do 23ºBPM (Leblon) a um táxi com criminosos armados, vindo pelo túnel Zuzu Angel.


Popular

CONNECT