Com pênalti no minuto final, Bahia derrota o Grêmio e afunda Coritiba

O lance citado pelo gremista é o gol de mão de Jô contra o Vasco, no domingo passado - em uma jogada que muitos acharam ser obrigação do árbitro atrás do gol de marcar a irregularidade.

Para a partida, Renato Portaluppi poupou Marcelo Grohe, Pedro Geromel, Luan e Lucas Barrios, que sequer viajaram para Salvador. O Bahia foi dirigido no banco de reservas pelo auxiliar Maurício Copertino, pois o treinador Preto Casagrande estava suspenso.

Mendoza logo aos cinco minutos arrancou pelo meio e bateu fraco. A bola desviou em Vinícius e saiu por bem perto do gol do time gaúcho. Aos seis, Juninho driblou os marcadores e chutou rasteiro, mas foi fraco e o goleiro conseguiu segurar. Na cobrança de escanteio, Edson cabeceou e exigiu boa defesa de Paulo Victor. Os jogadores dos dois lados também não ajudavam.

O Bahia até ameaçou em uma falta na entrada cobrada por Juninho, mas a bola passou por cima do gol.

A resposta do Grêmio veio em linda jogada de Everton pela esquerda. Ele avançou pela esquerda, cruzou e Lucas Fonseca quase marcou contra. A melhor chance dos gaúchos saiu de uma bola parada com Edílson, mas o goleiro Jean espalmou. Ele passou a infernizar o lateral Eduardo e o Grêmio assumiu o controle da partida. Aos 30, Everton partiu em velocidade pela direita e cruzou. Até a bola sobrar para Fernandinho finalizar e Jean conseguir a defesa. Com um polêmioco gol de pênalti aos 51 minutos do segundo tempo, o placar magro de 1x0 é suficiente para afastar o Tricolor da zona de perigo do Brasileirão. Na cobrança, Rodrigão esbanjou tranquilidade para mandar no canto esquerdo de Paulo Victor e garantir o triunfo do Bahia em casa neste domingo. Edílson correu para marcá-lo, tropeçou sozinho, caiu e derrubou o adversário com o ombro: pênalti. Ele disse que os atletas têm sentido a sequência de jogos e afirmou que o Tricolor vai crescer de rendimento para a reta final da Libertadores. O Bahia jogará no sábado, às 16 horas, novamente na Arena Fonte Nova, contra o Coritiba, adversário direto na briga contra o rebaixamento.

Na próxima rodada, a 26ª do Brasileirão, o Grêmio recebe o Fluminense em Porto Alegre, no domingo (1º).


Popular

CONNECT