Síria encara Austrália em busca de classificação histórica — Eliminatórias

Na repescagem, a seleção da Austrália vai enfrentar em novembro o quarto colocado das Américas Central e do Norte.

A Austrália venceu hoje a Síria por 2-1, após prolongamento, em jogo da segunda mão do 'play-off' asiático para o Mundial de futebol de 2018, apurando-se assim para o decisivo 'play-off' frente ao quarto classificado da CONCACAF. Aos 13, o veterano Tim Cahill deixou tudo igual.

Depois de um empate na partida de ida disputada na Malásia, a Síria surpreendeu a Austrália logo aos 6 minutos do primeiro tempo, quando Omar Al Somah abriu o placar no ANZ Stadium, em Sydney. Estados Unidos, Panamá e Honduras duelam nesta terça-feira para ver quem ficará com a terceira e última vaga direta para a Copa e quem irá para a repescagem intercontinental contra os australianos. Al Somah, que já havia feito o gol do país do Oriente Médio no começo do jogo, cobrou falta que explodiu na trave de Matthew Ryan.

Os donos da casa mantiveram uma postura ofensiva durante boa parte do jogo, apesar de serem ameaçados pela velocidade síria em alguns momentos.

Até final, e apesar de contar menos um elemento, a seleção síria não baixou os braços e ainda teve tempo para praticamente 'silenciar' todo o estádio, quando, aos 120 minutos, Al Soma enviou a bola à base do poste, na sequência de um livre.

Na prorrogação, a situação se complicou quando Mahmoud Al Mawas foi expulso logo aos 4 minutos.

O placar se estendeu por todo tempo regulamentar - 90 minutos - e o jogo seguiu para a prorrogação.

Rui Almeida, antigo treinador da seleção olímpica síria, fala em jogadores guerreiros, num país completamente destruído pela guerra.


Popular

CONNECT