Brasil vence por 3 a 0 e tira o Chile da Copa

Se em 2014 o Brasil eliminou o Chile nos pênaltis nas oitavas do Mundial, em um Mineirão lotado, desta vez, no Allianz Parque lotado, o time verde e amarelo nem sequer deixou o adversário chegar à Rússia: vitória por 3 a 0, resultado que deixa o oponente na sexta colocação, fora até da repescagem.

No penúltimo treino da Seleção Brasileira, no CT do Palmeiras, Gabriel Jesus previu: "O Allianz Parque é o cenário perfeito para o Brasil encerrar a caminhada nas Eliminatórias". A superioridade brasileira foi mostrada com dez pontos de vantagem sobre o Uruguai, que fechou em segundo lugar com 31 pontos. A 15, o goleiro chileno salvou no chão, com a perna esquerda, em conclusão de Neymar, após passe de Gabriel Jesus que havia vencido a disputa com dois marcadores. Argentina (28) e Colômbia (27) também se classificaram para a Copa da Rússia. Na repescagem, o Peru enfrenta a Nova Zelândia para obter a vaga na Copa do Mundo.

Enquanto os argentinos viravam o jogo em Quito, o Brasil começava a criar as suas primeiras chances de gol em São Paulo.

A equipe do Chile foi inteira para a área brasileira já nos acréscimos, inclusive o goleiro Claudio Bravo, e não conseguiu finalizar. O jogo irá reapresentar Gabriel Jesus a sua antiga casa, o estádio do Palmeiras. Esse gol decisivo acabou saindo do desespero do Chile que tentou fazer o gol com Bravo se lançando ao ataque e acabou tomando o terceiro nos últimos minutos de jogo.

Pressionando a saída de bola, o Brasil deu trabalho ao Chile no primeiro tempo. Em seguida Coutinho tirou a bola da defesa, passou para Neymar, que mandou para Gabriel Jesus disparar o segundo. O time ficou invicto sob o comando de Tite na seletiva para a Copa do Mundo.

Neymar (atacante): na melhor chance do Brasil no primeiro tempo, exigiu boa defesa de Bravo. Dois minutos depois, Daniel Alves bateu falta da intermediária, o goleiro chileno deu rebote e Paulinho completou para a rede - Brasil 1 a 0.

O Brasil se soltou a partir do gol. Dois minutos depois, a seleção ampliou. Tomou susto logo no primeiro minuto ao levar gol de Ibarra, mas Lionel Messi fez a diferença ao marcar aos 11 e 19 minutos do primeiro tempo, virando o placar. Nesta imagem, ela foi flagrada nervosa com a possibilidade de eliminação de sua seleção.

Aos 9 minutos do segundo tempo, o Brasil abriu o placar. Com 39 minutos, o jogador do PSG foi substituído por Willian. Willian lançou para Gabriel Jesus, que pegou a bola na frente de todo mundo e entrou com bola e tudo, já que o arqueiro voltava atrás da linha da bola.


Popular

CONNECT