Melhor do mundo em 95, George Weah é eleito presidente da Libéria

De acordo com os dados preliminares divulgados hoje pela Comissão Nacional de Eleições, Weah tem o maior número de votos nas 14 das 15 províncias do país, enquanto o atual vice-presidente, Joseph Bokai, lidera na província de Lofa, onde nasceu.

No total, 20 candidatos concorrem às presidenciais na Libéria.

Até o momento, Weah possui 40%, e Boakai, 30%.

A Libéria escolhe o sucessor de Ellen Johnson Sirleaf, a presidente que liderou o país após o final da guerra civil e durante a crise sanitária provocada pelo vírus Ébola que matou cindo mil liberianos.

Senador desde 2009, essa foi a terceira tentativa do jogador de se eleger para o cargo mais alto da democracia da Libéria. Seu grande futebol com a camisa rossonera lhe rendeu o prêmio de melhor jogador do mundo pela Fifa em 1995, superando Paolo Maldini e Jürgen Klinsmann. Ele ainda contou com passagens rápidas por Chelsea, Manchester City e Olympique de Marseille, antes de encerrar a carreira no Al-Jazira, dos Emirados Árabes, em 2003. Com informações da ANSA.


Popular

CONNECT