Rui Vitória: "Nunca vi ganhar dois jogos num só"

O encontro entre o Olhanense e Benfica, da terceira eliminatória da Taça de Portugal, realiza-se no sábado, pelas 19:00, no Estádio Algarve, casa emprestado dos algarvios. Gostamos muito desta prova, como a totalidade dos clubes em Portugal.

Isidoro Sousa mostra-se consciente de que não será fácil enfrentar uma equipa que é tetracampeã e adiantou: "Nós temos as nossas limitações e tentaremos fazer o melhor".

A propósito do atual estado das duas equipas, um Benfica em crise e um Olhanense em alta no campeonato de Portugal, Isidoro Sousa opta por ser realista ao afirmar: "A crise no Benfica é falsa e passageira e o Olhanense mesmo a jogar bem ainda está a uma longa distância do nosso adversário".

Na consciência está a ideia de que nestes jogos há toda uma motivação diferente: "O fascínio da Taça é isso, é saber que muitas vezes as diferenças podem ser esbatidas". Quem anda nisto sabe como funciona e estamos preparados. Nestes momentos colocamos a palavra respeito, mas para nós essa premissa está presente em qualquer competição.

Na ocasião, Rui Vitória advertiu que o Olhanense, terceiro classificado da Série E do Campeonato de Portugal, o terceiro escalão do futebol português, será um adversário que "vai querer dificultar a tarefa" ao clube da Luz. Rui Vitória reconheceu que isso não foi positivo, mas explicou que deu mais tempo para abordar aspetos individuais nos que ficaram. O facto de termos jogadores fora é sinal que estão nas seleções. Depois, pudemos trabalhar com outros jogadores que melhoraram nesses 15 dias. O ideal era trabalharmos todos juntos, não o podendo acho que foi um cenário agradável de trabalho.

Depois do Algarve há jogo com o Manchester United para a Champions, mas o treinador quer os jogadores concentrados na Taça de Portugal.

"Contra equipas da nossa dimensão, perde um jogo em cada 100 que disputa, mas perde um jogo em 100". Eles têm de pensar apenas e só no jogo de amanhã. Nunca vi uma equipa ganhar dois jogos num jogo só. "Ganhar um para ajudar o outro, sim".


Popular

CONNECT