Asteroide vai passar 'de raspão' na Terra antes do Natal

O asteroide 3200 Phaeton deve passar a cerca de 10 milhões de quilômetros de distância da superfície terrestre no dia 16 de dezembro. A NASA destaca que não há motivo para pânico. O objeto é conhedico como 3200 Phaeton e deve ficar a cerca de 10 milhões de quilômetros do planeta no dia 16 do mês.

De acordo com a NASA, não há motivo para alarme, dado que é extremamente improvável que a passagem do Phaeton cause qualquer tipo de dano ao planeta Terra. Essa distância é 26 vezes maior do que a que nos separa da Lua - nosso satélite natural está a 384.400 km da Terra.

Os cientistas americanos acreditam que Phaethon seja o responsável por proporcionar a chuva de meteoros conhecida como Geminíadas (surge perto da constelação de gêmeos), que ocorre, todos os anos, entre os dias 13 e 14 de dezembro. A hipótese é de que o Phaeton esteja literalmente a partir-se aos poucos, fazendo com que apresente uma atividade muito idêntica à dos cometas. A agência especial afirma, em comunicado, que "as imagens serão excelentes para obter um modelo detalhado em 3D".

A próxima vez que o 3200 Phaeton chegará tão próximo da Terra será em 2050, de acordo com a Nasa.

Um asteroide medindo cerca de 5km passará "raspando" na Terra, seguindo proporções espaciais.


Popular

CONNECT