Folha Explica prováveis causas do sumiço do submarino argentino

O ARA San Juan e seus 44 tripulantes enviaram seu último sinal no dia 15 de novembro, a 430 quilômetros da costa patagônica, apenas horas antes que fosse detectada na região uma suposta explosão submarina que foi identificada na semana passada. "O que eu posso comprovar é que o navio tinha que ser consertado em dois anos e demorou cinco", disse ainda o ministro da Defesa.

Apesar de não considerar possível encontrar sobreviventes, o governo se comprometeu com os parentes dos tripulantes a continuar as buscas.

Além disso, segundo o ministro, também há informações reportando "outra série de anomalias", como preços inflacionados, "que terão que ser investigados".

Aguad também foi questionado sobre a manutenção do ARA San Juan, que teria "passado com sucesso por todos os controles" e estava em "condições perfeitas para navegar". "Acredito que são duas coisas distintas, mas é preciso investigar", prosseguiu Oscar Aguad.

Contudo, um dos aspectos que a justiça deve investigar, segundo o ministro da Defesa, são os erros por parte da Marinha - na noite anterior ao desaparecimento, na última comunicação sobre a localização, o comandante alertou os responsáveis em terra que tinha entrado água no compartimento de baterias eléctricas e que se tinha iniciado um incêndio.

"É motivo de investigação. Determinar se o defeito era grave ou não era grave.Eu também confio no capitão, tudo o que falam da sua experiência", argumentou Aguad.

Aguad relatou ainda que o ARA San Juan teve há algum tempo um "incidente similar" de infiltração de água. "O capitão deu conta disso e pediu que, em 2018, quando o submarino entrasse em reparação, se verificasse esse problema", destacou Aguad ao canal argentino.

Prosseguem intensas buscas pelo submarino, com a ajuda de países como os Estados Unidos, Reino Unido e Rússia, numa zona do oceano Atlântico em que várias agências internacionais registaram a ocorrência de uma explosão, horas depois do desaparecimento do submarino, perto de onde se perdeu o seu rasto. O ruído que se ouviu foi a explosão de hidrogénio ou foi o colapso do barco quando estava a cair?


Popular

CONNECT