Onze motoristas são presos no 1º dia de carnaval

Entre a noite da última sexta-feira e a madrugada de ontem, foram registradas 250 infrações de trânsito e 125 veículos foram apreendidos.

Durante as blitze, nas avenidas Treze de Maio e Portugal com a Campos Salles, foram fiscalizados 267 veículos.

Durante ação realizada na noite de sexta-feira (2) em um posto de combustível na avenida Timbiras, no bairro Cidade Nova, Zona Norte, agentes do Detran-AM apreenderam uma espingarda carregada, calibre 36 com cano cortado.

Dezoito motoristas apresentaram estado de embriaguez e quatro se recusaram a fazer o teste do bafômetro durante as fiscalizações.


Entre o primeiro dia de fevereiro e a madrugada de ontem, uma pessoa foi morta vítima de acidente de trânsito na capital. No ano passado, durante o mesmo período, quatro pessoas morreram durante o mesmo período no ano passado. O motorista foi encaminhado ao 6º Distrito Integrado de Polícia (6º DIP), onde foi autuado por porte ilegal de arma de fogo. "Nossas fiscalizações estarão concentradas também para garantir o bem-estar das pessoas que moram próximas desses empreendimentos", afirmou o diretor-presidente do Detran-AM, Vinicius Diniz.

O governo do Rio de Janeiro anunciou hoje (6) que vai reforçar as ações de fiscalização e conscientização no âmbito da Operação Lei Seca durante o carnaval.

As informações indicam que 250 agentes estarão envolvidos nas cerca de 70 ações de fiscalização que ocorrerão ao longo dos seis dias de reforço da operação, inclusive durante o dia, nas saídas dos blocos de rua, das praias e cachoeiras do estado.

Nos testes com resultado superior a 0,34mg/l, a situação vira crime de trânsito. Se condenado, poderá cumprir de seis meses a três anos de prisão, conforme prevê a Lei Seca, também conhecida como "tolerância zero".


Popular

CONNECT