Caminhão tomba e sangue de gado escorre pelo Rio Vermelho, em Goiás

Um acidente na manhã desta sexta-feira (23/2) contaminou as águas do Rio Vermelho na cidade de Goiás, deixando o leito do rio com uma cor avermelhada e cheio de espuma.

"O produto é biodegradável, não é tóxico, não é poluente".


Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o fenômeno, que assustou moradores da antiga capital de Goiás, se deu por conta de um acidente envolvendo um caminhão que levava sangue de gado. O motorista, que ficou gravemente ferido, foi socorrido e levado a uma hospital do município. Com o veículo tombado, a carga de sangue escorreu pelo leito do rio.

O sangue bovino possui muitas aplicações comerciais e pode ser utilizado na fabricação de ração para outros animais, por exemplo. A Secretaria de Meio Ambiente da Cidade de Goiás foi acionada e deve trabalhar na descontaminação do rio junto aos bombeiros na tarde desta sexta. Figueiredo ainda ressalta que o rio está com volume considerável de água, o que reduz o problema, mas diz que ainda não existe uma previsão para quando as águas do rio devem voltar ao normal. A Polícia Civil também deve investigar o caso.


Popular

CONNECT