Após show no Rio de Janeiro, Foo Fighters toca em São Paulo

Após três anos sem pisar em solo brasileiro, o Foo Fighters voltou a animar seus fãs em uma apresentação pra lá de eletrizante e memorável para 40 mil pessoas na noite de terça-feira (27), no Allianz Parque, em São Paulo. Para quem estreava em um espetáculo do Foo - sim, eles fazem mais do que um "simples" show -, teve corinho, balada, rock pesadão, jogo de luzes, bate cabeça, músicos encharcados de suor, "dancinha" dos celulares da plateia, e a sensação de que a banda cumpriu de sobra o aviso de Dave logo no começo do show: "Isso aqui é um show de rock, ok?". Ok! "E vocês gostam de rock, certo?", disse o vocalista emendando a canção 'The Pretender', que que fez os fãs tirarem os pés do chão.

A temporada começou no Rio, no domingo (25), quando os dois grupos tocaram no Maracanã.


Quando Foo Fighters entrou no palco, a galera veio a baixo. O mesmo aconteceu em "The Sky is a Neighborhood". "Times Like These" e "Best of You" finalizaram a primeira parte do show, que teve um intervalo de 10 minutos, retornando com "This Is a Call", primeira faixa do primeiro álbum da banda, de 1995. Dave assumiu o comando da bateria e Taylor Hawkins os vocais, deixando a arena inteira de boca aberta com a performance impecável de 'Under Pressure', do Queen. "É melhor você saber o que está fazendo", brincou, enquanto o fã subia ao palco.

Já o Queens of The Stone Age foi indicado ao Grammy de melhor álbum de rock por Villains, mas não foi consagrado. Dessa vez, o vocalista e guitarrista deixou o lugar para Lucas. A turnê segue ainda para Curitiba, na Pedreira Paulo Leminski, no dia 2 de março, e Porto Alegre, no Estádio Beira-Rio, em 4 de março.


Popular

CONNECT