Marcelo acompanha efeitos do tornado e admite ir a Faro

Segundo o IPMA, Instituto Português do Mar e da Atmosfera, entre as 16 e as 17 horas de hoje a região litoral do Sotavento Algarvio registou episódios de chuva e vento forte, que causaram impactos em estruturas e derrube de árvores, em particular nos concelhos de Faro, Olhão, Tavira, Castro Marim e Vila Real de Santo António.

Num tornado de classe F1 - intensidade do que atingiu Faro -, a velocidade do vento varia entre os 117 e os 180 Km/h. A classe F1 é segunda menos grave de um total de seis.

O tornado que passou ontem pela cidade de Faro assustou muitos algarvios.


No centro comercial Fórum Algarve a força do vento partiu vidros e arrastou as cadeiras da zona da restauração, assustando todos os que se encontravam no interior do estabelecimento comercial.

O fenómeno meteorológico provocou ainda a queda de árvores e de painéis publicitários e de iluminação pública.


Popular

CONNECT