Assunção Cristas apresenta moções — Congresso CDS-PP

No último congresso do CDS-PP, há dois anos, o deputado e ex-secretário de Estado da Administração Interna quebrou a unanimidade em torno da líder do partido, Assunção Cristas, protagonizando uma lista ao Conselho Nacional, que obteve 23% dos votos.

A manhã do arranque dos trabalhos ficará marcada por uma homenagem ao antigo presidente do CDS Adriano Moreira, enquadrada pela apresentação do Senado, o órgão de consulta centrista, que desde 2007 não funcionava.

"Uma grande salva de palmas para Assunção Cristas", resumiu, no final da votação, o presidente da Mesa do Congresso, Luís Queiró. A TEM terá assim Abel Matos Santos como cabeça de lista ao Conselho Nacional, concorrendo ainda ao Conselho de Jurisdição e Conselho de Fiscalização, diz Matos Santos.

"Como sempre, apresentaremos as nossas propostas alternativas", vincou.

O documento defende também uma "estratégia de proximidade", objetivo no qual se insere o lançamento da CDS TV, um 'canal' próprio dos centristas através do YouTube, que será coordenando pelo dirigente e porta-voz, João Almeida.


Popular

CONNECT