Trump prevê 'enorme êxito' em conversas com Coreia do Norte

Entidades oficiais americanas disseram hoje que não haverá concessões à Coreia do Norte na planeada cimeira entre o Presidente Donald Trump e o líder norte coreano Kim Jong Un.

"Não se enganem. Enquanto estas negociações acontecem, não haverá concessões", disse Pompeo no programa "Fox News Sunday".

A Coreia do Norte deverá oferecer, segundo o responsável da CIA, "provas verificáveis, completas e irreversíveis" de que os ensaios de mísseis acabaram e os Estados Unidos vão manter as sanções económicas a Pyongyang.

"O presidente não terá o encontro sem ver passos concretos e ações concretas sendo tomados pela Coreia do Norte".

"O presidente tomou a decisão: este é momento adequado para se reunir com Kim", acrescentou Pompeo. Embora tenha chegado a ser apontado o mês de maio como a data para ter lugar o encontro, a porta-voz presidencial, Sarah Sanders, disse que ainda não havia "nem lugar nem data fixados".

Antes de ir para os EUA, Chung Eui-yong tinha se reunido na última segunda-feira em Pyongyang com Kim Jong-un.


Popular

CONNECT