Avião privado despenha-se em zona montanhosa e faz oito mortos

Um avião turco caiu no sudoeste do Irã neste domingo (11), de acordo com a TV estatal iraniana.

Segundo informações do jornal turco Hürriyet, a aeronave pertencia a uma empresa do empresário Huseyin Basaran e transportava sua filha, Mina Basaran, sete amigas delas e mais três tripulantes.

O grupo retornava da despedida de solteiro da noiva em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos.

Os corpos e destroços do avião foram encontrados numa zona montanhosa e de difícil acesso no Irão horas depois do acidente, confirmando o óbito de todos os que seguiam a bordo.


Basaran é um importante magnata turco, tendo já sido presidente adjunto do clube de futebol Trabzonspor.

O chefe da Cruz Vermelha turca, Kerem Kinik, disse à Reuters que não há chances de sobreviventes, uma vez que a aeronave era um jato e estava voando em meio à neve.

"Confirmamos que um jacto privado iraniano desapareceu do radar enquanto passava pelo nosso espaço aéreo e se despenhou em Shahr-e Kord", disse Reza Jafarzadeh, porta-voz da Organização de Aviação Civil Iraniana, às televisões estatais iranianas.


Popular

CONNECT