Palmeiras leva vantagem sobre o Boca Juniors no confronto direto

O Palmeiras deu ao jogo desta quarta-feira ares de decisão. Felipe Melo, que estava suspenso para o jogo de volta da final, deve voltar ao time titular e sua experiência internacional é fundamental para um jogo de tamanha importância. Bruno Henrique, substituído no segundo tempo do Derby, disputa a equipe com Moisés.

O Palmeiras se reapresentou na tarde desta segunda-feira (09), na Academia de Futebol, e fez trabalhos técnicos.

Pela Libertadores, Palmeiras e Boca já se enfrentaram seis vezes. Um triunfo diante do Boca Juniores deixaria o Alviverde próximo da classificação às oitavas de final, com cinco pontos de vantagem sobre o segundo colocado.


Por determinação da direção palmeirense, nenhum atleta foi liberado para entrevista nos dois últimos dias. Os titulares do Boca Juniors foram confirmados pelo técnico Guillermo Barros Schelotto com Rossi; Jara, Goltz, Magallán, Fabra; Reynoso, Barrios; P. Pérez; Pavon, Abila e Cardona.

A partida contra o Boca Juniors vale mais para o time se recuperar da decepção vivida contra o Corinthians do que pelo impacto dentro do próprio torneio continental. "O Palmeiras vai tentar se impor como mandante", disse o técnico. Mas o atacante, que está recuperado de uma lesão muscular, vai iniciar a partida contra o Verdão, válida pela terceira rodada da competição sul-americana, no banco de reservas. O adversário na estreia será o Botafogo, na segunda-feira, no Rio. Com 50 pontos em 22 partidas, o time comandado por Schelotto é o líder.

O Boca lidera o Campeonato Argentino, mas ainda não consegue convencer a mídia e a torcida tanto que no último fim de semana acabou sendo derrotado por 2 a 1 para o Defensa y Justicia em plena Bombonera.


Popular

CONNECT