Bruno de Carvalho retira processos a jogadores

Certo é que esta novela em Alvalade ainda terá muitos episódios, sendo que cada vez são mais as figuras fortes do Sporting a pedirem a demissão de Bruno de Carvalho.

Em declarações à Renascença, o ex-dirigente leonino juntou-se à onda de críticos que exigem a queda de Bruno de Carvalho. "É preciso agora que o Bruno se cale, que acabe com o Facebook e deixá-lo descansar um bocado, porque está também a viver momentos pessoais de grande tensão", afirmou à agência Lusa.

"O Bruno não merece ser linchado na praça pública só por este 'post' sobre a equipa". Só falta quererem dar-lhe um tiro", refere, acrescentando: "Mas o que é que há assim de tão grave? "Ou a equipa? Isto é uma loucura total". A experiência de quase 30 anos no emblema verde e branco confere a Menezes Rodrigues o estatuto para considerar que o atual presidente "não tem mais condições" para prosseguir no cargo e, como solução, preconiza a subida do n.º 2, Carlos Vieira, desde que haja eleições na "primeira quinzena de junho". Jorge Jesus aproveitou a conferência de imprensa para reafirmar que estava "ao lado dos jogadores" e que "este é o lado do Sporting". Sei que cumpriu a obrigação dele, porque é um homem digno, um grande treinador, porque, como ele disse muito bem, com quem tem de estar é com o Sporting.

Bruno de Carvalho criticou na quinta-feira as exibições de alguns jogadores do Sporting, a seguir à derrota em casa do Atlético de Madrid (2-0), na Liga Europa, tendo, na sexta-feira, 19 jogadores do plantel, entre os quais Rui Patrício, William Carvalho, Fábio Coentrão, Coates, Gelson Martins e Bruno Fernandes, divulgado um comunicado no qual manifestaram "desagrado" com as críticas.

Bruno de Carvalho diz que "a suspensão imposta aos atletas", que implicaria a sua ausência no jogo de hoje com o Paços de Ferreira, da 29.ª jornada da I Liga de futebol, não foi imposta porque "não teria efeito de castigo, mas apenas serviria para ser mais uma desculpa para que (os jogadores) não pudessem cumprir as suas funções e as obrigações para que são pagos".


Popular

CONNECT