Curitiba terá reforço de segurança para 1º de Maio Unificado

O ato será marcado por forte teor cultural e terá a apresentação de artistas conhecidos por apoiarem Lula, como Beth Carvalho, Ana Cañas, Maria Gadu, o rapper Renegado, além de artistas locais. O ato de Curitiba terá como mote "Em Defesa dos Direitos e por Lula Livre".

A Central Geral dos Trabalhadores (CGT) e a União Geral dos Trabalhadores (UGT) organizam a manifestação no Conjunto Augusto Franco, com concentração a partir das 8h. Caravanas de outras cidades do Paraná e também do Distrito Federal, Santa Catarina, Pernambuco e Mato Grosso do Sul, segundo a CUT, estão a caminho. Ali fica o acampamento de vigília, próximo à sede da Polícia Federal, onde o ex-presidente foi encarcerado.

Todas as centrais sindicais defendem atividades voltadas para protestos e resistência, em defesa da democracia e em apoio aos ex-presidentes do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, que permanece preso acusado de envolvimento em corrupção, e Dilma Roussef, que sofreu impeachment sem ter os direitos políticos cassados, acusada de promover pedaladas fiscais e colocar a economia do país em risco. Na última sexta-feira (27), o grupo, formado por líderes de seis centrais sindicais, solicitou um encontro com Lula para a quarta-feira (2) "na qualidade de representantes de centrais sindicais e amigos do executado".


Ao todo, sete centrais sindicais participam do ato, marcado para as 13 horas, na Praça Santos Andrade, no Centro histórico da Cidade.

P.S: Em São Paulo também haverá manifestação unificada e show com muitos artistas, entre os quais os autores e cantores do samba-enredo da escola Paraíso do Tuiuti, sucesso no carnaval do Rio de Janeiro, que destacou um Michel Temer de vampiro e desfilou com alas criticando a reforma trabalhista.


Popular

CONNECT