Temer cancela viagem à Ásia com avanço de investigações

Segundo a Folha apurou, ele foi aconselhado por assessores e auxiliares presidenciais a permanecer em Brasília para preparar a estratégia de reação jurídica.

A decisão coincide com o pedido da Polícia Federal de prorrogação de inquérito que investiga o presidente sobre a edição de um decreto que favoreceria empresa portuária.

O policial militar seria a principal ligação dos supostos esquemas de irregularidade com o presidente.

Temer visitaria Cingapura, Tailândia, Indonésia e Vietnã de 7 a 14 de maio. Uma das filhas de Temer, Maristela Temer, foi intimada a depor no próximo dia 2 em razão de investigação da Polícia Federal que sugere que o presidente tenha ocultado bens "lavando' dinheiro de propina por meio de reformas em imóveis de parentes e transações imobiliárias em nome de terceiros".

Na semana passada, Temer afirmou, em um firme pronunciamento, ser alvo de uma "perseguição criminosa disfarçada de investigação", e disse que, se pensam "ilusoriamente" que irão derrubá-lo, não vão conseguir. A primeira visita estava marcada para o início de janeiro, mas foi cancelada por recomendação médica.

Temer cancela viagem à Ásia com avanço de investigações
Temer cancela viagem à Ásia com avanço de investigações

"É contra a minha honra e pior ainda".

"A ausência do chefe de governo do país, neste momento, obrigaria os presidentes da Câmara e do Senado a também deixarem o território nacional simultaneamente, prejudicando votações importantes ao País", diz a nota. Sem o pagamento, cabe ao governo federal pagar os valores devidos ao BNDES e a bancos privados por financiar exportações ao vizinho, principalmente obras da Odebrecht no metrô de Caracas e de Los Teques.

Segundo a nota (leia a íntegra ao final desta reportagem), se Temer viajasse, os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), também seriam obrigados a deixar o país devido ao calendário eleitoral - ambos são candidatos na eleição deste ano e, por esse motivo, não poderiam assumir a Presidência.

Em reunião no Alvorada, na sexta-feira (27), ele definiu que o aumento médio do programa deve ficar entre 5% e 6%, maior que os 3% inicialmente discutidos.



Popular

CONNECT