Buffon anuncia despedida da Juventus e adia decisão sobre a seleção

"Projetos? Sábado eu vou jogar um jogo e esta é a única coisa certa. Há alguns dias tinha a certeza que iria deixar de jogar, mas neste momento até tenho algumas propostas interessantes tanto dentro como fora de campo".

Buffon chegou à Juventus em 2001, depois de se destacar no Parma, em uma transferência recorde para um goleiro na época: 52 milhões de euros. Eu sou um animal competitivo e não teria condições de viver nessa situação. "Se eu decidir continuar, será para lutar por coisas grandes".

De acordo ao site italiano Tuttosport.com, o clube de Turim já tem três opções para a meta. O time foi, então, rebaixado para a segunda divisão, mas Buffon permaneceu na Juventus e a ajudou a voltar à elite. Na carreira, ganhou nove títulos do Campeonato Italiano, cinco da Copa Itália e uma Copa do Mundo (2006).


Apesar das recentes frustrações, com a eliminação da Champions League e a não classificação da Itália para a Copa do Mundo da Rùssia, o goleiro já é presença certa entre os maiores nomes da história em sua posição. Buffon poderá se despedir definitivamente da seleção nacional em um amistoso em 4 de junho contra a Holanda, no Allianz Stadium.

"Eu não preciso de outras demonstrações de estima e afeição e várias celebrações".

Durante entrevista coletiva, a expectativa era de que Buffon anunciasse o fim da sua carreira, as não foi isso que aconteceu. Já Wojciech Szczesny vai se tornar o goleiro titular da Juventus na próxima temporada.


Popular

CONNECT